A Tradução Técnica é a Tradução Livre de um documento de alguma área ou assunto específico como por exemplo: Medicina, Engenharia, Petróleo entre outros. A tradução não é feita por um tradutor comum, o tradutor é especializado na área da qual o documento pertence justamente para que os termos técnicos sejam traduzidos da forma correta.

    Como é feita na Tradução Juramentada, a Tradução Técnica também é realizada conforme a formatação do documento original. Normalmente os documentos para Tradução Técnicas são recebidos em arquivos editáveis como apresentações, planilhas ou arquivos de texto.

 

traducao-livre

    O orçamento é feito de acordo com a contagem de texto e a classificação de complexidade do conteúdo. A contagem de texto é feita por laudas, que é um conjunto de um mil caracteres sem espaço. As laudas são contadas com um software que converte o arquivo recebido em arquivo de texto editável e após a conversão temos o número de laudas.

    Há uma grande responsabilidade em traduzir documentos de áreas específicas e a equipe da Sworn Translation nunca falhou com nenhum cliente. Seguimos com a risca um código de conduta moral com preços altamente competitivos.

    O processo de contratação é simples: o cliente nos envia o documento, retornamos com o orçamento e após aprovado a tradução é iniciada e avisamos assim que estiver pronta. Sem formalidades ou burocracias e com muito profissionalismo.

+ 0
Mais de um mil e quinhentas traduções técnicas realizadas

Exemplo de Tradução Técnica:

traducao-tcc

Tradução de TCC

Alguns Trabalhos de Conclusão de Curso precisam ser traduzidos neste caso se faz uma tradução técnica por se tratar de um texto com termos técnicos

CV

Tradução de Curriculo

Para se candidatar a vagas no exterior é necessário um currículo muito bem traduzido

traducao-abstract

Tradução de Abstract

Em alguns casos, alunos em fase de Trabalhos de Conclusão de Curso optam por contratar o serviço de tradução para garantir que o Abstract não tenha erros.

Entre em contato!

JuramentadaSimples




.
.
.